Cerro San Cristóbal: Santiago / Chile

Outro programa turistão, mas bem legal para se fazer em Santiago, é subir o Cerro San Cristóbal, que nada mais é do que um morro muito alto onde se tem uma vista de 360º da cidade, e, se o dia estiver limpo, com as cordilheiras ao fundo.Tá, não é BEEEM legal, mas se você não for vai se arrepender porque TODO MUNDO vai, então tem que ir para não te encherem o saco depois hahahaha.


O cerro fica dentro do parque metropolitano que é gigantesco. Normalmente se chega ao topo de funicular um tipo de bondinho que sobe os 300m preso a um trilho, mas ele estava em manutenção (obrigada Deus!) e subimos de táxi.

 Lá em cima, além de contemplar a vista você pode subir mais alguns degraus para chegar até o santuário da virgen Inmaculada Concepción (olha p/ minha cara de preguiça e me diz se eu fui até lá? hahahaha).


Para coroar nossa subida ao cerro, fomos experimentar a bebida típica Mote com Huesillos. Tipo um chá de pêssego, com uns grãos de trigo no fundo e uns pêssegos boiando. Não é ruim, mas também não é bom, manja? Para quem não está acostumado é estranho. Olha a cara do marido e me fala se tem chance dele ter gostado? Hahahaha.

 No caminho da subida tem um zoológico para quem curte, o que não é o meu caso. Programão esse heim??? Hahahaha.Brincadeiras a parte eu gostei, mas nós subimos, ficamos 20 minutos lá e descemos, é só para contemplar mesmo.

Ficou com dúvida?

Veja minha página de dúvidas frequentes

5 Comentários

  1. Jéssica disse:

    Tati, adoro o Panela, mas às vezes acho seu humor um pouco(muito) ácido. Não é uma crítica negativa, me entenda, é que eu não consigo ver problema em se fazer programa de turista quando se é turista. Não é porque o local é abarrotado de gente de outros lugares querendo ver a mesma coisa, que precisamos fazer exatamente igual os outros, né? Podemos visitar locais que são marco de uma cidade sem necessariamente cumprirmos roteiros programados e robóticos.
    Às vezes eu sinto como se você quisesse justificar seus programas mais óbvios de turista, como se tivesse algo de errado nisso.

    Perdoe-me se interpretei algo errado, continuo adorando o panela e entrando aqui todos os dias. Ah, e adorei a cara de seu marido tomando o chá. Provamos dele quando fomos a Santiago ano passado. Pra ser sincera, eu detestei, rs.

    Beijos.

  2. Já estou me programando para ir à Santiago ano que vem.
    Queremos ir para Buenos Aires e de lá vamos para Santiago de carro, só curtindo a paisagem… Vou começar a organizar o roteiro.
    Suas dicas são sempre ótima. Mês passado fui a BsAs, e seguindo suas dicas aluguei um estúdio pela ByTargentina, na Recoleta, por inacreditáveis R$500,00 + R$90,00 de taxa. 🙂

    • Que bom que as dicas foram úteis! O preço dos apartamentos são ótimos mesmo!
      Eu também quero fazer esse roteiro entre Chile e Argentina, imagino que seja lindo!!! Em Santiago tem muito Flat com preço bom e tem apartamento também, na próxima viagem vou pesquisar melhor.

  3. mt bonitas essas fotos gostei desse verde mt bonito mesmo b js bom friado

  4. Sheila disse:

    Tb fui conhecer esse lugar, tem uma vista bem bonita… Mas eu queria subir de funicular,rs… Tomamos essa bebida qd fui passear no centro do Chile, como vc disse nao é ruim, mas tb nao é lá essas coisas, achei muito doce…rs, mas comemos tudo..rs