Presentinhos

Meu aniversário foi em janeiro, mas não ligo nada para isso, para mim é um dia qualquer se não fosse pelo direito de ganhar e me dar presentes hahahaha.

Esse ano comprei umas coisinhas que eu estava namorando há algum tempo, como as canequinhas e alguns utensílios da Le Creuset.


Não comprei tudo que eu queria porque gente, custa o “zóidacara“! Quando der um alívio vou comprando mais algumas.

Confesso que fiquei um pouco decepcionada porque achei que a espátula pegou mais cheiro do que de outras marcas que eu já possuo, ficou super cheirando molho de tomate (alguém sabe como tirar a catinga do silicone?)… mas enfim, é tão linda que serve para decorar (ou para mexer molho de tomate eternamente).

Comprei numa loja do shopping Iguatemi Esplanada (Sorocaba).

Para o marido eu “insinuei” (mentira, eu pedi mesmo!) esse colar foférrimo que é feito à mão pelo Gabriel Balsanuf.

Não é lindinho? Demorou muito para chegar, porque o artesão estava de férias, mas valeu à pena, adorei!

Nota mental: “Aff como eu tô sardenta! Deve ser porque eu sou uma sem-vergonha-preguiçosa que não usa protetor solar!”


É isso que tem pra hoje, tem receita nova mas tem que editar as fotos e montar os posts e a correria aqui tá insana, mas amanhã sai!!! Desculpem as fotos toscas do post (as duas últimas são do celular).

Ficou com dúvida?

Veja minha página de dúvidas frequentes