Danoninho de Manga

Conforme o prometido, postarei algumas receitinhas que faço para a Lis e ela adora. A começar pelo “danoninho” de manga com inhame. Ele pode ser oferecido para o bebê assim que o pediatra autorizar a introdução alimentar, que por aqui foi aos 6 meses. E como inhame é um baita alimento bom, esse danoninho pode ser consumido por adultos também.

O inhame tem um sabor bem neutro, então é como se “diluísse” o sabor da manga. Fica suave, o que é adequado ao paladar do bebê, que está começando a descobrir sabores. Para adultos pode ser adoçado.

Eu usei praticamente a mesma quantidade de manga e inhame. Uma manga grande e dois inhames pequenos.

Cozinhe o inhame sem casca e picado de preferência no vapor para garantir as propriedades nutricionais. Bata o inhame ainda quente com a manga usando um mixer, processador ou liquidificador.

danoninho-bebe-receita

Fica com consistência de mousse. Eu sirvo uma porção geladinha no dia que faço e já congelo as demais. Nutricionalmente é melhor congelar do que deixar 2 ou 3 dias na geladeira.

Para descongelar deixe na geladeira por umas 6 horas e já pode servir. A Lis come até meio congelado como sorvetinho. Eu não sei exatamente quanto tempo dura congelado, mas não deixo mais que 1 mês aqui por precaução.

Você pode trocar a manga por qualquer fruta. Não precisa adoçar, bebê não tem o paladar viciado em açúcar e sal como nós.

Ficou com dúvida?

Veja minha página de dúvidas frequentes