Licor de Jabuticaba

Essa foi minha primeira experiência com licor caseiro. Ficou muito saboroso, porém achei bem forte. Encontrei várias receitas na internet que levavam água fervendo além dos ingredientes que usei, mas como a água facilita a formação de fungos eu não quis arriscar. Da próxima vez vou tentar com água. Em todo caso, para tomar um golinho essa minha receita é bem boa!

É só usar a mesma medida de açúcar e cachaça e o dobro de jabuticaba lavada e com casca. Então no caso eu usei:
1 xícara (chá) de açúcar
2 xícaras (chá) de jabuticaba
1 xícara (chá) de cachaça
1 pedaço de carvão (que não tenha sido usado ainda)

O carvão é para não formar fungo e não se preocupe que não deixa gosto algum.
O ideal é usar uma pinga barata mesmo e que não seja envelhecida. Pode usar qualquer uma tipo a 51.

Coloque todos os ingredientes em um pote de vidro com tampa. Mantenha em local escuro e fresco. Tipo dentro de algum armário. Quanto mais tempo ficar, melhor o sabor. A cada 3 dias você pode dar uma mexida no pote, mas não se preocupe que o açúcar vai derreter todo com o tempo e a cor vai ficando cada vez mais escura.

licor-receita

As jabuticabas vão ficando “inchadas” e depois murchas mas não vão estourar. Depois de no mínimo 30 dias você já pode consumir (eu deixei 2 meses).
Basta coar (usei filtro e coador de papel) e colocar em uma garrafa. Não sei dizer a durabilidade mas por causa do álcool eu imagino que dure meses.

licor-pronto

Ficou com dúvida?

Veja minha página de dúvidas frequentes

Tatiana Romano
por Tatiana Romano Criadora do Panelaterapia Conheça a Tati

Tatiana Romano, reside em Sorocaba, deixou a profissão de Psicóloga e Professora para se dedicar à sua paixão pelas panelas e ao blog Panelaterapia que mantém desde 2009. Hoje se dedica a cozinhar, fotografar, escrever e brigar com a balança.