in , , , ,

Dicas para Pudim de Leite Condensado

pudim

Se você procura dicas para um pudim de leite condensado fácil e rápido saiba que você não esta sozinha, afinal muita gente reclama que queima a calda do pudim, que na hora de desenformar ele quebra, que gostaria que ficasse com ou sem furinhos.

Então para auxiliar eu já aviso que lá no final tem um vídeo que explico o passo a passo para o seu pudim perfeito, mas se você é como eu e gosta de ler toda a receita aqui deixo explicado tudo.

Quais são as dicas para um pudim de leite condensado perfeito?

Se você quer um pudim de leite condensado cremoso e perfeito separei algumas dicas para você se garantir.

Ingredientes de qualidade

Eu nem preciso falar isso mas vou falar, use sempre ingredientes de qualidade se quer um pudim perfeito, então leite integral e leite condensado de boa qualidade são essenciais para garantir textura e a cremosidade que você espera.

Atenção na forma

Capriche no caramelo, tenha certeza que toda a parte de contato com o pudim foi caramelizada uniformemente de maneira que as laterais da forma façam o pudim se desenformar facilmente e garanta uma cobertura brilhante.

Medidas exatas

Lá ouviu falar que fazer doce é uma ciência exata? Pois tenha isso em mente, siga exatamente as proporções indicadas na receita e tenha certeza que vai conseguir a consistência certa do pudim. Medir com calma e com cuidado os ingredientes é o primeiro passo para o sucesso da receita.

Gaste tempo com o leite condensado

Cozinhe o leite condensado na panela de pressão ou em banho-maria porque esse processo vai garantir ao pudim uma textura mais aveludada.

Porém atenção pois se estiver usando a panela de pressão, siga as instruções do fabricante rigorosamente para garantir a sua segurança.

Peneire os líquidos

Essa dica parece uma bobagem mas faz toda a diferença e você vai se surpreender como vai ficar coisa na peneira, então nunca esqueça, peneire os ingredientes líquidos, como leite condensado, ovos e leite antes de misturá-los.

pudim-furinhos

Evite bolhas de ar

Bata sempre a mistura de forma suave e com calma para evitar que se forme muitas bolhas de ar. As bolhas de ar são os responsáveis por pequenos buracos ou imperfeições do pudim.

Paciência

Para ter um pudim perfeito, você não pode ter pressa, então asse o pudim em banho-maria em forno preaquecido.

O cozimento lento e suave vai garantir uma textura delicada e cremosa para o seu pudim. Fique longe de altas temperaturas porque elas irão com certeza cozinhar demais nas bordas gera um pudim com consistência mais dura.

Atenção ao ponto de cozimento

Faça o teste do palito para verificar se o pudim está cozido. Acho que não preciso explicar mas é basicamente inserir um palito no centro do pudim; se sair limpo, o pudim está pronto. A dica final disso é: Lembre-se de que o pudim continuará a cozinhar um pouco enquanto esfria.

Não tenha pressa

Só coloque o pudim na geladeira após esfriar, senão você terá a formação de gotículas de água devido a condensação e isso pode acabar com o seu sonho de pudim perfeito. Então a regra é simples: Paciência!

Desenforme com cuidado

Passe uma faca ao redor das bordas do pudim para soltar, então coloque um prato sobre a forma e vire com cuidado. De novo, não tenha pressa, dê um tempo para que a calda escorra e o pudim se solte suavemente.

Como é a receita de pudim de leite condensado?

Claro que existem várias receitas de pudim sem furinho mas essa é a que faço aqui e funciona ok? Então siga as dicas lá de cima e as medidas com cuidado que com certeza você conseguirá um pudim maravilhoso.

Lembre que a prática leva à perfeição, então se der errado no visual, com certeza vai dar no sabor!

Ingredientes da calda:

  • 2/3 xícara (chá) de açúcar;
  • 1/3 xícara (chá) de água.

Ingredientes do pudim:

  • 1 lata de leite condensado;
  • 2 latas de leite;
  • 4 ovos.

Modo de preparo

Para fazer a calda, leve a água e o açúcar ao fogo mínimo na própria forma de pudim e deixe ferver até virar caramelo.

Já o modo de preparo do pudim, bata tudo no liquidificador ou mixer, coloque sobre a forma caramelizada, cubra com alumínio e leve para assar em banho-maria até ficar firme.

De 30 minutos a 1h:30min, dependendo do seu forno. Se quiser sem furinhos asse em 180 °C e coloque a água do banho-maria fria. Se quiser com furinhos asse em 220 °C com água do banho-maria bem quente.

Para todos os detalhes como fazer a calda, o banho-maria, e muitas dicas para o pudim, é só dar o play:

Versão diet e light

Essa dica é para quem deseja algo mais saudável, mas não quer abdicar do sabor. Então, a versão diet e light é perfeita. Assim, os ingredientes necessários, são:

  • 500 mL de leite desnatado;
  • 3 ovos;
  • 1 lata de leite condensado diet;
  • adoçante em pó a gosto.

Aqui, você vai precisar colocar o adoçante em uma forma. Em seguida, é só fazer o mesmo processo de caramelizar, super simples. Após misturar os outros ingredientes no liquidificador, é só colocar tudo na forma.

Perceba como o preparo é quase igual, só muda a parte do adoçante. No entanto, vale lembrar que esse último é bem mais potente que o açúcar. Dessa forma, não use as mesmas proporções da versão anterior.

Em qual ocasião servir um pudim de leite condensado?

O pudim de leite condensado é uma sobremesa clássica e versátil. Dessa forma, é adequada para diversas ocasiões. Seu sabor suave e textura cremosa fazem dele uma escolha popular em almoço de domingo em família.

Isso porque, ele complementa bem refeições caseiras e reconfortantes. Além disso, é uma excelente opção para celebrações de aniversário, pois oferece uma alternativa deliciosa aos tradicionais bolos.

Em festas de fim de ano, como Natal e Ano Novo, esse pudim se destaca como uma sobremesa prática e apreciada por todos. Sem contar que pode ser preparado e servido gelado.

Também é uma ótima escolha para jantares entre amigos. Afinal, ele proporciona um toque de sofisticação sem exigir habilidades avançadas.

Por último, seja qual for a ocasião, esse clássico da culinária brasileira sempre traz um toque de doçura e tradição.

Nosso Score
Clique para votar neste post!
[Total: 5 Média: 2.8]

Written by Tatiana Romano

Criadora do Panelaterapia. Reside em Sorocaba, deixou a profissão de Psicóloga e Professora para se dedicar à sua paixão pelas panelas e ao blog Panelaterapia que mantém desde 2009. Hoje se dedica a cozinhar, fotografar, escrever e brigar com a balança.

73 Comments

fermento

Como Saber se o Fermento Fresco Está Bom?

Faça um bolinho simples de trigo

Faça um bolinho simples de trigo