Alcachofra sem Mistério

Eu trabalho na cidade de São Roque, região que produz 80% da alcachofra que se consome no país, “entonces”, consigo comprar essa belezura pela bagatela de 1 real cada. Comprei logo meia dúzia (exagerada como sempre, considerando que o marido nem gosta).

Bem, eu sei que tem gente familiarizada com as alcachofras, mas também sei que tem muita gente no embalo do Zeca Pagodinho: “nunca vi, nem comi, eu só ouço falar” (amigas de Portugal: isso é uma música).Por isso vou mostrar a maneira mais simples de preparar e consumir as bichinhas:

Corte o talo bem rente à base. Lave bem. Corte as pontas das pétalas (não faço a menor idéia de porquê, mas é assim). Coloque em uma panela grande com água fervendo e sal. A água não precisa cobrir a alcachofra, se atingir 2/3 dela está bom. Puxe uma pétala do meio, quando sair com facilidade, está cozida.
Faça um vinagrete ou molhinho da sua preferência (usei vinagrete desidratado, limão, sal, azeite e um pouco de água). Para comer você vai puxando as pétalas de fora para dentro….

Mergulhando no vinagrete e raspando com os dentes só essa pontinha carnuda (só esse “mizerê” mesmo).

Quando terminarem as pétalas, você vai chegar ao miolo, que é bem espinhoso.

Com uma colher vá tirando os espinhos…

Finalmente chegamos à parte nobre, o “fundo da alcachofra” que eu, com minha sutileza de paquiderme, quebrei. Esse sim é usado no preparo de muitos pratos, mas isso é assunto para outro post!

Ficou com dúvida?

Comente aqui no post ou Veja minha página de dúvidas frequentes

27 Comentários

  1. Unknown disse:

    E assim que eu faco a alcachofra aqui em casa.
    Amo!!!

  2. Anônimo disse:

    Amei sua forma de se expressar e a receita tb, obrigadinha por me ensinar…bjussssss

  3. Hummm… delícia de comer com os olhos!!
    Vc é demais, amiga!

  4. Tati!!! Esse teu passo a passo me salvou! Inventei de fazer um risoto de alcachofra que seria um desastre sem essa tua "aula". Postei hoje lá no blog. Obrigada! Ju

  5. priska disse:

    nooooossa faz muito tempo q nao como alcachofra… hj fui ao supermercado e comprei duas… vasculhei a internet ate chegar aki… era examente assim q minha mae preparava as benditas… liguei pra meia duzia de amigos e nenhum sabia … hmmm estou com agua na boca… vou deixar pra faze-las amanha… obrigada…

  6. Larissa disse:

    Oi Tati, tido bem??? Seu blog como um todo é uma delícia, mas as últimas receitas (alcachofra e quiche) me agradaram muito! Adoro os dois! Bjs e bom domingo! Larissa

  7. MEU CANTINHO disse:

    Amiga, nunca comi alcachofra acredita? Mas, agor fiquei curiosa pra provar, parece muito boa!

    Bjuss

  8. Que saudade me deu da infância pois minha mãe fazia exatamente como vc mostrou!!! É uma delícia!!!
    No Ceagesp está 1,50 cada mas aqui em casa o povo não come nem a pau…Bjs

  9. Gina disse:

    Quem me dera comprar alcachofra a 1 real. Aqui fica entre 4 e 5! E olhe que temos uma chácara de alcachofras bem pertinho, vai entender!
    Acho uma delícia!
    Bjs.

  10. Fla disse:

    Ai que delícia.
    Eu ainda não consegui ir na festa, mas eu amo alcachofra.
    Adorei teu post.
    Beijos

  11. Nane Cabral disse:

    Tati, vc é demais! obrigada pelo post. Eu amo alcachofra mas nunca fiz, mas estou morrendo de vontade de fazer depois das dicas. Bjos e bom final de semana! Nane http://www.vovoqueensinou.blogspot.com

  12. Olá Tatiana;

    essa manhã recebi um selo de presente, e uma das "tarefas" era indicar um blog amigo. Indiquei o seu para receber este selo também porque gosto muito daqui. Não vou ficar chateado se você não quiser participar disso – eu mesmo achei meio trabalhoso cumprir esta "tarfea", mas como sou novo por aqui e achei a indicação que recebi muito carinhosa, não quis recusar. Mas fique realmente à vontade. Sua indicação está postada no meu blog.

    Um beijo grande;
    Pierre.

  13. É tão bom quando a gente tem esses ingredientes à mão por um precinho camarada, neh?! Fora que é bem mais fresca que essas de mercado.
    Bem, a minha experiência com essa florzona não foi das melhores. Ela ainda não me conquistou…
    Mas falando do pão de passas… acho que vc acerta sem a MFP, sim. Pelo que tenho acompanhado, seus pães tem saído bem bons e a massa dele não é trabalhosa, só fica meio molenga. Se vc não se importa de sujar as mãos, vá em frente!!!

  14. Que lindo o post! Super informativo! Adoro esse tipo de post! Parabéns Tati! Bjinhos e um ótimo final de semana 😀

  15. Amoooooo alcachofra!
    Adorei, Tati!
    Beijocas!

  16. Nana disse:

    Em casa como na casa do papai ninguém gosta e sou louca para comer.
    Adorei sua aula, bem prática amiga, parabéns.
    Bjsss

  17. Oi Tati,
    Adoro, mas nunca fiz! só como!

    Olha só eu fiz os pãezinhos com creme, adorei, mas a minha foto mais parece uma cama de pão.
    São bem macios.

    bjs

    Maura

  18. Clau disse:

    Olá tatiana,eu nunca comi ,mas confesso que fiquei com vontade de provar rsrsrsr.Bjus amiga!

  19. Vicentina disse:

    Eu já comi uma unica vez, mas nunca preparei, por aqui não se vê alcachofras nem pra remédio rsrs
    Que delícia…
    Bjs

  20. Carol disse:

    A foto do vinagrete está de matar heim amiga…Pena tá tão caro por aqui…Beijos

  21. Tati:
    Você é sempre chiquérrima!
    bjs,e no aguardo de mais alcachofras!

  22. eu estou na turma do zeca pagodinho…nunca comi…

  23. SUELY PERES disse:

    AMO ALCACHOFRAS, QUANDO PUDER POST UMA RECEITA DE RISOTO, UMA VEZ ME FOI SERVIDA, MAIS EU NUNCA CONSEGUI FAZER IGUAL. BEIJINHOS

  24. Tati
    Eu estraguei duas alcachofras por não ter um 'tutorial' da alcachofra.
    Agora eu já sei a quem perguntar!
    Bjs
    ass: aquela que é menos favorecida verticalmente do que tu!

  25. Fe. disse:

    Tati, vc se supera a cada dia hein!! eu adoro alcachofra! Sortuda vc hein morar na cidade das alcachofras!!hehe
    Bjs

  26. Amo alcachofra, mas vou ter que confessar que nunca fiz, sempre comprava em conserva.
    Minha sogra faz como você e fica uma delícia. 😀
    Parece tão trabalhoso.

    Beijinhos Tati

  27. Amo alcachofra, faz um risoto do coração delas

Deixe uma resposta